5 coisas que pessoas bem sucedidas nunca fazem

Existem milhões de coisas que contribuem para o sucesso: sua atitude, sua habilidade com pessoas e sua habilidade liderar, ouvir e assumir responsabilidades, por exemplo. Mas uma coisa que pouca gente inclui aí é a habilidade de controlar as emoções e se manter calmo sob pressão e lidar com a inteligência emocional.

Segundo Travis Bradberry, presidente da TalentSmart e co-autor do livro Emotional Intelligence 2.0, controlar as suas emoções diz tanto respeito às coisas que você não faz como às que você faz.

Ele analisou dados que foram obtidos estudando mais de um milhão de pessoas e descobriu que os altos escalões de alta performance estão cheios de gente com muita inteligência emocional. A partir desse estudo, ele descobriu comportamentos que essas pessoas deliberadamente evitam. Olha só alguns:

1. Elas não vivem no passado

Pessoas com inteligência emocional sabem que o sucesso está na habilidade de superar os fracassos, e não é possível fazer isso quando se vive no passado. Qualquer coisa que você queira atingir vai requerer que você corra alguns riscos, e não se pode permitir que fracassos passados te impeçam de acreditar na sua capacidade de se dar bem.
Quando você vive no passado, é isso que acontece. E fica quase impossível seguir em frente.

2. Elas não se apegam a problemas e não guardam rancor

O seu estado emocional depende de onde estão seu foco e atenção. Quando você se concentra nos problemas que está encarando, você cria e prolonga emoções negativas e stress que prejudicam sua performance. Quando você foca em ações que vão melhorar as suas circunstâncias, você cria uma sensação de eficácia pessoal que produz emoções positivas e melhora a sua performance.
Pessoas com muita inteligência emocional focam em soluções e raramente guardam rancor. Por quê?
Porque quando você revive um momento ou conversa que te deixou irritado, você coloca seu corpo em alerta de novo. Quando há uma ameaça iminente, essa reação é fundamental para a sobrevivência, mas quando isso é passado, segurar esse stress tem efeitos negativos no seu corpo e pode gerar consequências na sua saúde ao longo do tempo.
Pessoas emocionalmente inteligentes sabem que stress e negatividade são fatais para o sucesso, por isso não seguram isso dentro delas.

3. Elas não priorizam a perfeição

Pessoas bem-sucedidas não miram na perfeição porque sabem que ela não existe. Os seres humanos são falhos por natureza. Quando a perfeição é seu objetivo, você vai sempre estar com uma sensação de fracasso, vai acabar perdendo tempo lamentando que as coisas estão dando errado e pensando no que deveria ter feito diferente ao invés de aproveitar o que você de fato conseguiu fazer.

4. Elas não se cercam de pessoas negativas

Pessoas negativas – ou aquelas que reclamam o tempo todo – são tóxicas. Elas mergulham nos problemas delas e esquecem de focar em soluções. Elas querem pessoas para juntar-se a elas nessa tristeza para que possam se sentir melhores.
É natural do ser humano ouvir reclamações, porque não queremos ser vistos como insensíveis, mas existe uma linha tênue entre ser um ombro amigo e ser sugado para o espiral de negatividade dos outros.
Você pode evitar isso impondo limites e se distanciando desse tipo de pessoa. Pense assim: se tiver uma pessoa fumando, você vai querer ficar sentado do lado inalando a fumaça dela? Você se distancia, e é assim que tem que fazer com os reclamões também.

5. Elas não dizem “sim” pra todo mundo o tempo todo

Quanto mais dificuldade você tiver para dizer “não”, mais chances você vai ter de se estressar. Dizer “não” com certeza é um desafio para a maioria das pessoas, mas é uma palavra poderosa que você não pode ter medo de usar. Quando é preciso responder “não” para algum pedido, pessoas bem sucedidas não titubeiam. Elas são diretas e evitam frases como “acho que não posso”. Dizer “não” a um novo compromisso honra os compromissos que você já assumiu e te dá a oportunidade de cumpri-los bem.

Esse post foi traduzido e adaptado do Aol.

Related Articles

Responses

O seu endereço de e-mail não será publicado.